domingo, 24 de maio de 2015

Brasão da Família Peixoto

O sobrenome português Peixoto foi usado primeiramente por Gomes Viegas de Portocarreiro, este teria sido embaixador de Portugal na França e era leal a D. Afonso III, que na época era conde da Bolonha. Teria Gomes Viegas de Portocarreiro ajudado a D. Afonso III a tomar o trono português, já que o rei Sancho II havia entrado em conflito com a Igreja e foi deposto pelo Papa Inocêncio IV.
Gomes Viegas de Portocarreiro, que se tornaria conselheiro do rei, ganhou o apelido Peixoto do próprio D. Afonso III, por ter entregado ao conde da Bolonha uma truta enviada por Fernão Rodrigues Pacheco que era fiel ao antigo rei D. Sancho II. 
Fernão Rodrigues Pacheco era alcaide-mor do Castelo de Celorico da Beira, segundo a lenda o castelo estava quase sucumbindo ao cerco de D. Afonso III, pois quase já não havia mais mantimentos na fortaleza, foi quando surgiu um corvo-marinho (ou águia em algumas versões) com um peixe grande e o deixou cair dentro das muralhas do castelo, Fernão Pacheco então mandou preparar o peixe e enviar ao conde da Bolonha em sinal de que havia abundancia de comida dentro da fortaleza, o que fez com que Afonso III desistisse do cerco libertando Celorico.
Gomes Viegas de Portocarreiro ficou conhecido como Peixão, por ter entregue o peixe em Celorico, e depois como Peixoto, que significa “peixe pequeno”. 
Acima os brasões da família Peixoto, o primeiro com um corvo-marinho com um peixe no bico como timbre o segundo com um delfim com um peixe na boca.

3 comentários:

  1. Como posso saber a origem de onde vieram os meus antepassados.E conseguir o brasão da família.

    ResponderExcluir
  2. Olá, gostaria de ter esse brasão. Vcs vendem?
    Desde já agradeço
    Neimar Peixoto

    ResponderExcluir
  3. Helenir Peixoto,
    Como faço pra adquerir esse brasão.

    ResponderExcluir