quinta-feira, 28 de maio de 2015

Brasão da Família Mota

O sobrenome Mota (ou Motta) é toponímico, logo as pessoas vindas de um lugar chamado Mota adotaram o apelido, o nome Mota vem das antigas línguas germânicas e significa reduto fortificado, pois era chamado de Mota os lugares onde eram construídas as fortalezas, uma vez que mota também tinha o sentido de monte e era sobre tais montes que eram construídos os castelos.
Existem famílias Mota na Espanha, Itália e Portugal, sendo que os Motas portugueses dizem descender de Rui Gomes de Gondar, que viveu durante o reinado de Afonso II de Portugal, e morou em um lugar chamado Mota no antigo concelho de Gestaço, na atual freguesia da Madalena no concelho de Amarante, ou mais ao norte em Celorico de Basto, onde Rui Gomes de Gondar fundou a Quinta da Motta.
Rui Gomes de Gondar Mota era descendente do cavaleiro D. Mendo de Gundar, que havia vindo de Astúrias para servir o conde Henrique de Borgonha.
O primeiro brasão acima (em verde com cinco flores-de-lis) pertence aos Mottas de Portugal, já o segundo foi dado ao Doutor Jerônimo da Motta pelos seus muitos serviços prestados ao rei D. João III.

Um comentário: